Recado do pai da internet e previsíveis hábitos do homem

Ok, um dos pais da internet não veio ao país para participar da abertura do escritório brasileiro da W3C, órgão regulador da rede. Tim Berners-Lee passou seu recado aos presentes por videoconferência gravada e centrou sua fala em e-government, pincelando a web nos celulares.

Pesquisa – 100 mil pessoas foram rastreadas pelo celular, por meio dos sinais de ligações e envio e recepção de mensagens de texto. Resultado: o padrão do ser humano é previsível. A maioria se desloca para o trabalho e escola e volta para casa. Do total de pesquisados, praticamente 75% restringiram-se a um raio de 32 km.

Um dos resultados do estudo “Mobile phones demystify commuter rat race” publicado na Nature, segundo Albert-Laszló Barabási, da Northeastern University (EUA), pode ajudar epidemiologistas a prever como vírus podem se espalhar em populações, auxiliando urbanistas, por exemplo, a realocar recursos.

O estudo aponta padrões que podem parecer óbvios, disse Barabási, que coordenou a pesquisa. No site da Nature, ele afirma que “ao olhar para a população como um todo, não há como descrever os padrões. O problema ao responder a essa pergunta é que as pessoas normalmente não são rastreadas, mas hoje somos rastreados graças aos celulares que carregamos”.

O que o estudioso fez – Barabási e seus colegas conseguiram autorização de uma operadora de telefonia móvel, sob a condição de anonimato, monitorar chamadas e mensagens de textos de 100 mil pessoas ao longo de seis meses.

Privacidade – O estudo de Barabási enfrenta alguns desafios. Por questões contratuais, a pesquisa não pode divulgar em que país foi feita. Isso pode, no entanto, afetar os padrões de hábitos variados em países diferentes. Dirk Brockmann (Northwestern University – Illinois, ), que tentou analisar o movimento de mais de meio milhão de cédulas de um dólar durante cinco anos, diz que a questão agora é descobrir por que algo tão complexo como o movimento humano segue padrões tão consistentes. “Nenhum estudo pode responder a essa questão.”

Em tempo: se alguém quiser rastrear Barabási, é indispensável a leitura de “Linked: How Everything Is Connected to Everything Else and What It Means“. Foi publicado em 2000 e é atualíssimo.


Comentários desativados em Recado do pai da internet e previsíveis hábitos do homem

Arquivado em Análises, Notícias

Os comentários estão desativados.